A ONEGLASS É BRASILEIRA?

SIM! Nossa marca nasceu em 2014, em Santa Catarina! Depois de uma necessidade pessoal sentimos no mercado interno a falta de itens de vidro, atóxicos e que pudessem nos ajudar a preparar o chá, café e nossas bebidas preferidas livre de materiais tóxicos como BPA, BPS, alumínio, Ftalatos, PVC, chumbo e cádmio.

Além da beleza e design, nossos produtos geram um suporte seguro. Todos os materiais utilizados na sua fabricação possuem grau de uso alimentício e foram aprovados por órgãos internacional como FDA (Estados Unidos).

Nossa produção é feita por fornecedores previamente homologados com nosso rigoroso processo de qualidade e por isso que você recebe esses produtos lindos em suas mãos! Nós só temos itens que usamos, itens que foram surgindo em nosso catálogo por necessidade própria e que não encontrávamos com facilidade nos critérios de qualidade que queriamos.

 

TÁ, MAS AFINAL O QUE É UM PRODUTO ATÓXICO?!

É um produto que gera um suporte seguro em seu uso,livre de disruptores endócrinos e compostos xenobióticos (estranhos ao nosso organismo) por exemplo. Você já parou para pensar o quanto nosso corpo é intoxicado no dia a dia? Pela poluição, pelos alimentos que ingerimos, ar que respiramos, líquidos que bebemos, e até os utensílios que utilizamos para preparar tudo isso!

Tá mas tem como fugir disso? Infelizmente não! Mas calma, não precisa se desesperar, a  boa notícia é que nosso maravilhoso corpo tem uma capacidade enoooorme de se desintoxicar naturalmente, e ao mesmo tempo que ele e intoxicado, todas as noites quando dormimos ocorre o processo de desintoxicação! Por isso é TÃO importante a qualidade de sono não é verdade?!Bom, mas esse é assunto para outra prosa hehe. Aqui queremos focar no nosso propósito.

A One Glass acredita que não dá para viver numa bolha e acharmos que nunca mais usaremos itens de plástico (alô garrafas pet) chás de saquinho, coadores de café de plástico,ou filtro dde papel e etc, MAAASSSS, não custa mudar algumas pequenas atitudes do dia a dia para dar uma ajudinha na detox do nosso corpitxo lindo , não é mesmo?!

Então foi por isso, pelo nosso propósito de ter produtos atóxicos, saudáveis, mas com beleza, e que reduzam nem que seja pelo menos um pouco (diz que se cada um fizer UM POUCO, no final da UM MONTÃO) o lixo diário gerado para nosso planeta que a One Glass nasceu! 

-Disruptores Endócrinos? O que é e quem são?

- Os disruptores endócrinos (DEs) (endocrine disruptors chemicals, em inglês) são uma gama de substâncias químicas que interferem no sistema hormonal, alterando a forma natural de comunicação do sistema endócrino e causando distúrbios na vida selvagem e também na saúde do próprio ser humano. Apesar de já existirem na natureza muitas substâncias similares, como os fitoestrógenos presentes na soja, os artificiais supõem um perigo muito maior que os compostos naturais, já que eles persistem no corpo durante anos, enquanto os estrógenos naturais podem ser eliminados em poucos dias.

Nosso organismo é capaz de eliminar os estrógenos naturais por já estarmos adaptados a eles, mas muitos dos compostos artificiais resistem aos processos de excreção e se acumulam no organismo, submetendo animais e humanos a uma contaminação de baixo nível, mas de longa duração. Essa forma de exposição crônica por substâncias hormonais sintéticas não tem precedentes em nossa história evolutiva.

Um estudo publicado na revista Human Reproduction constatou que fetos expostos  a produtos desreguladores endócrinos possuem duas vezes mais probabilidade de ter volume de sêmen e contagem total de espermatozoides por ejaculação abaixo dos valores de referências estabelecidos pela OMS (2 ml de sêmen e 40 milhões de espermatozoides), isso explica, em parte, a baixa qualidade do sêmen de alguns jovens suíços. Nesse estudo, os produtos mais associados foram pesticidas, ftalatos e metais pesados. Além disso, outros produtos encontrados em casa também são fontes de disruptores endócrinos, como os produtos de higiene pessoal, cosméticos, aditivos alimentares, embalagens, recipientes de plástico e contaminantes.

Exemplos de disruptores endócrinos a serem evitados e que todos os nosso produtos são LIVRES!
Ftalatos;
Bisfenol F;
Benzeno;
Bisfenol A;
Parabenos;
Bisfenol S;
Chumbo;
Triclosan;
Tolueno.

 

E PORQUE TRABALHAMOS COM VIDRO BOROSSILICATO?

Além desses compostos, um relatório chamado “Plastics, EDCs & Health: A Guide For Public Interest Organizations and Policy-makers on Endocrine Disruption Chemicals & Plasticsdemonstrou que diversos tipos de plástico se comportam como disruptores endócrinos, podendo causar esterilização, problemas comportamentais, diminuição da população e outros danos à saúde.

 *** Caso você queria ler esse relatório clique na frase ''Plastics, EDCs & Health: A Guide For Public Interest Organizations and Policy-makers on Endocrine Disruption Chemicals & Plastics acima e você será redirecionado ao pdf (o pdf está em inglês)***

 

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), há indícios de que a exposição aos disruptores endócrinos ao longo do tempo aumentaram algumas doenças, como:

 Reprodutivas/endócrinascâncer de mamacâncer de próstataendometriose, infertilidade, diabetes;

Imunes/autoimunes: suscetibilidade a infecções, doenças autoimunes;

Cardiopulmonares: asma, doenças cardíacas, hipertensão, infarto;

Cerebrais/nervosas: mal de Parkinson, mal de Alzheimer, transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH), dificuldades de aprendizado.

Outro problema relacionado aos disruptores endócrinos é a obesidade. Acredita-se que a principal ação dos disruptores endócrinos relacione-se à interferência na diferenciação do adipócito e nos mecanismos de homeostase do peso. No Brasil, as maiores prevalências de obesidade são encontradas nas regiões mais industrializadas do país, portanto, onde potencialmente ocorre maior exposição da população aos disruptores endócrinos.

FONTE:https://www.ecycle.com.br/disruptores-endocrinos/